Destaque

Vereadores gastam R$ 622 mil com verbas indenizatórias em oito meses

Os vereadores de Itabirito (MG) utilizaram R$ 622.554,43 de recursos da Câmara Municipal com verbas indenizatórias de fevereiro até setembro de 2017. Isso significa um custo médio de R$ 77.819,30 por mês aos cofres públicos, sendo que cada vereador tem gasto uma média de R$ 5.986,09 mensal. Os dados foram obtidos por meio do portal de transparência da Câmara.

Gastos com verbas indenizatórias

A verba indenizatória é um complemento ao subsídio garantido por lei que o vereador recebe para pagar despesas relacionadas ao seu mandato.

Um vereador da base aliada, mediante anonimato, explicou fazer uso da verba indenizatória para arcar os gastos com combustível, materiais de escritório, impressões, informática, contratação de empresas prestadoras de serviço, pagamento de conta de celular, dentre outros custos.

Ele contou que cada vereador pode reembolsar até R$ 6 mil por mês, desde que comprove, por meio de notas fiscais que a quantia foi gasta com atividades inerentes ao exercício parlamentar.

Vale ressaltar que, após inúmeras buscas no ícone legislação do Site da Câmara, a reportagem não encontrou a Norma, a Resolução ou a Lei, responsável por regulamentar o uso dessa verba indenizatória para complementar a matéria.

Outros gastos

Além dos R$ 6 mil por mês das verbas indenizatórias, os parlamentares ainda recebem uma quantia para o custeio de viagens. No período de fevereiro até setembro deste ano, os vereadores e servidores da Câmara Municipal de Itabirito gastaram R$ 816.624,64 com diárias de viagens e passagens, segundo informações do Portal da Transparência.

Gastos com diárias
Não podemos esquecer que a população de Itabirito paga um salário base de R$ 5.948,00 aos seus vereadores. Somando o salário com a verba indenizatória de R$ 6 mil, mais as diárias de viagens, média de R$ 5 milmensal por parlamentar chega-se a um gasto médio de quase R$ 17 mil por mês com cada vereador.

Marcelo Rebelo

Marcelo Rebelo é jornalista, relações públicas, pós-graduado em E-commerce e descontente com os rumos da política local.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Close

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios