A Secretaria de Saúde soltou uma nota oficial no final dessa tarde tranquilizando a população sobre a suspeita do primeiro caso de febre amarela na cidade.

Leia a nota:

A Secretaria de Saúde de Itabirito informa que já existem casos humanos confirmados de febre amarela em municípios próximos, como Brumadinho, Nova Lima e Mariana. O Município de Itabirito possui um morador que está sendo investigado sobre a possibilidade de estar com a doença, estamos aguardando a confirmação ou descarte da mesma, mas as medidas preventivas continuam sendo adotadas, principalmente a vacinação.

Conforme informações da SES-MG, atualmente são onze caso confirmados de febre amarela em Minas Gerais no período 2017/2018.

A febre amarela é uma doença com alto índice de mortalidade, e a medida mais importante para prevenção é a vacinação. Ao se vacinarem as pessoas desenvolvem anticorpos para a doença.

Vale lembrar que todo o estado de Minas Gerais é considerado como área de risco para a febre amarela. Quem já tem uma dose da vacina já está imunizado, conforme orientação do Ministério da Saúde.

A vacina está disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde de Itabirito, de segunda a sexta-feira para todas as pessoas com 09 meses a 60 anos de idade. Pessoas acima de 60 devem procurar sua UBS de referência para serem avaliadas pelo médico antes da vacinação.

É importante lembrar que os macacos não transmitem a doença, quem transmite é o mosquito. Por adoecerem primeiro, os primatas fornecem as autoridades informações valiosas sobre a circulação do vírus. Não mate os macacos.

Comentários do Facebook