DestaqueItabirito

Desfile de 7 de Setembro lota Centro de Itabirito; veja mais de 80 fotos

Na quinta-feira (7), durante desfile em Itabirito (MG) de escolas e outras entidades em comemoração à Independência do Brasil, as instituições de ensino fizeram referências aos imigrantes que povoaram o país, posicionaram-se contrárias a preconceitos e favoráveis à preservação ambiental por meio de faixas e cartazes. O Centro da cidade ficou lotado de pessoas para ver e participar do evento.

Durante discurso que durou cerca de três minutos, o prefeito Alex Salvador (PSD) não mencionou os processos enfrentados por ele na Justiça Eleitoral. Contudo, garantiu que os trabalhos da Prefeitura estão sendo realizados apesar do “muito pouco recurso”. A expressão usada por ele se refere ao fato de a arrecadação da Prefeitura ter diminuído por causa da crise brasileira.

Alex afirmou que é a quinta vez que ele preside, como prefeito, a cerimônia em Itabirito de Independência do Brasil e aniversário da cidade. Na data, Itabirito também celebrou os 94 anos de emancipação política do município. “Não podemos deixar de comemorar. É muito emocionante ver alunos e professores desfilando”, disse ele.

As solenidades de abertura do evento, como hasteamento das bandeiras e revista às tropas da Polícia Militar, da Guarda Municipal e do Corpo de Bombeiros Municipais começaram com mais de uma 1 hora de atraso, situação que irritou alguns pais de alunos.

No palanque das autoridades, além do prefeito, estavam o comandante em Itabirito da Policia Militar, capitão Gláucio Sigaud; a secretária municipal de Educação, Ana Góis; o secretário de Patrimônio Cultural e Turismo da Prefeitura, Ubiraney Figueiredo; o comandante da Guarda Civil, Antônio Alberto Oliveira Costa; bem como vereadores de situação e outros secretários municipais.

Homenagem da PM a sargento falecido 

Um caminhão com vários policiais reformados (aposentados) participou do desfile. Os PMs fizeram homenagem ao sargento Ferreira que atou em Itabirito e sempre fez questão de participar das comemorações de Independência do Brasil na cidade.

“O desfile é uma valorização ao patriotismo. Hora de lembrar o que os nossos antepassados fizeram por nós para que nós pudéssemos ser a grande nação que somos hoje. Um exemplo é o nosso homenageado sargento Ferreira que morreu em julho deste ano”, disse o comandante Gláucio.

A filha do sargento Ferreira, Márcia, estava no caminhão.

 

 

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Close

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios