Diretor de imagem Fábio, engenheiro Rodrigo, professor Ricardo, supervisora Cláudia e RP Renata com alunos da escola no estúdio do Globo Esporte. Foto: Romeu Arcanjo/Impacto Atual

BELO HORIZONTE – Vinte e cinco estudantes do 8º ano da Escola Estadual Professor Tibúrcio, de Itabirito (MG), estiveram durante a tarde desta terça-feira (7) na TV Globo Minas.

A turma da escola foi recebida pela relações públicas Renata Guimarães. A primeira “aula” de como funciona a TV foi dela. “Para que uma propaganda seja veiculada, é preciso que ela siga a qualidade da emissora. Mesmo com o anunciante pagando, se não estiver dentro do padrão Globo, ela não é veiculada. Até campanhas institucionais, que a TV entra como apoiadora, precisam estar de acordo com as normas”, disse a RP.

A visita é uma atividade do projeto de orientação vocacional criado pelo professor Ricardo Francisco. A intenção é que os alunos se interessem por profissões diversas. E, definitivamente, na TV Globo Minas convivem diferentes atividades: jornalistas, publicitários, engenheiros, relações públicas, motoristas, câmeras, seguranças e até mesmo um teólogo. Isso mesmo! Trata-se de Fábio Seabra que, na Globo, exerce a função de editor de imagens.

Seabra relatou situações internas da Rede Globo que tem a ver com as raras falhas técnicas que a emissora já cometeu. “99% são falhas humanas”, disse.

Erros esses que muitas vezes o telespectador não os percebe. “Temos 3 segundos para reagir”, afirmou Seabra.

Segundo o editor teólogo, uma falha que dura 1 minuto é considerada gravíssima na TV Globo. Contudo, de acordo com ele, a maioria dos deslizes não é percebida pelos público.

Seabra explicou que quando um repórter entra no ar ao vivo, há sempre alguém informando a este profissional, por meio do ponto eletrônico, quanto tempo o jornalista tem e, em consequência, quando ele precisará encerrar a matéria.

Para muitos alunos, o auge do passeio foi quando Seabra abriu, como se fosse um estojo de lápis, uma mesa de edição. Isso para que os alunos pudessem ver o que existe para além daquele emaranhado de botões com luzes de cores variadas.

Seabra apresentou o engenheiro Rodrigo Augusto como sendo o responsável por solucionar problemas técnicos em qualquer aparelho da emissora. “Se precisar dele, em 20 segundos, o Rodrigo aparece”, disse.

De acordo com o aluno Samuel Marques (14), o mais interessante na visita foram as partes tecnológicas: os painéis e as mesas de última geração da Globo. “Pensava que fosse algo mais simples”, disse ele  

Globo Esporte e MGTV

Os estúdios da TV Globo primam pela padronização da rede em todo o país. Os cenários são um “mundo à parte”. O gosto apurado e a tecnologia chamam a atenção. Aparentemente, não existe aquela bagunça por trás das câmeras como se costuma ver, acidentalmente, em outras emissoras. Tudo é organizado, como se a “coxia” fosse uma extensão do ambiente que é visto pelo telespectador.

Para o estudante Breno Marques (13), conhecer o estúdio do Globo Esporte foi o momento mais especial. “Acho que é porque eu gosto de futebol”, esclareceu ele.  

Os alunos ficaram surpresos de não haver um vidro entre o estúdio do MGTV (da noite) e a redação. “Os microfones são especiais e direcionados, e não captam o som que vem do local de onde trabalham os ‘redatores’”, disse Renata Guimarães.

Contudo, quando começa o telejornal é dada ordem de “silêncio” na redação.

O jornalista apurador Carlos Amaral surpreendeu quando mostrou que fica ligado, ao mesmo tempo, na internet e em quatro emissoras de TV, além de três emissoras de rádio para “descobrir” matérias a serem veiculadas pela Globo. “Tem que ser um pouco doido”, brincou ele.

Segundo o professor Ricardo Francisco, a escola ficou grata aos profissionais da TV que colaboraram para que o dia fosse proveitoso e “inesquecível” – adjetivo usado pelo aluno Vitor Emanuel (14). “Muitos sonham com a experiência que nos tivemos na Globo”, completou o estudante.

Os jovens aprovaram a visita, que foi acompanhada também pela secretária Cláudia Senem. Os estudantes ainda ganharam uma mochila com o logotipo da TV Globo Minas.

Leia mais sobre a visita à TV Globo no Minuto Mais.

Comentários do Facebook